segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Contextualização para as Aulas de Robótica!

A evolução das máquinas de impressão

Do prelo de Gutenberg à máquina impressora de Lord Stanhope

imprensa manual, prense, prelo
De Vinne, T. L. : The invention of printing. London, 1877
Gutenberg, o inventor da prensa, vivia numa região caracterizada pelo cultivo de vinho. Prensas de vinho já eram utilizadas para a obtenção do vinho, a fim de “ex-primir” o suco das uvas. A prensa de vinho foi tomada como molde embora ainda fosse necessário muito trabalho para transformá-la numa impressora tipográfica.
A suspensão da placa, que não deveria girar, foi uma importante inovação. A semelhança com as prensas de vinho desta época é inconfundível.
Com ajuda do torniquete da prensa, imprime-se a placa com o papel sobre os caracteres. Enquanto um artesão imprime, o outro aplica tinta nos caracteres, sempre de forma alternada. A prensa fornece uma face de texto muito mais homogénea do que a que os melhores escribas da época eram capazes de fazer manualmente.
ma
Prelo de madeira, gravura histórica
Prelo
Prelo de madeira, peça histórica
Passados 350 anos depois da revolucionária invenção de Gutenberg, a impressão ainda conhecera poucos aperfeiçoamentos. A Revolução Industrial mudou igualmente curso da Imprensa, mecanizando o processo da impressão.
cb
Stanhope
1800: o prelo metálico de Stanhope
A prensa inteiramente metálica foi inventada por Charles, o 3.º Earl de Stanhope. Na prensa de ferro de Stanhope, a platina continuava a comprimir o papel sobre a forma impressora, mas um sistema de alavancas aumentava consideravelmente a força. Imprimiam-se, portanto, mais folhas (cerca de 250 por hora ), e a qualidade de reprodução foi enriquecida pela uniformidade da pressão na tiragem .
He never patented his press, preferring to make it and its advances available to all. The earliest Stanhope presses were made by Robert Walker and the press on display with serial number No. 535 was built in 1837 by Samuel James Spiers, son in law and successor of Robert & Sarah Walker in Soho in London.
Later Stanhope presses were manufactured by at least 40 other press makers in England, Belgium, France, Germany, Italy & Sweden. The Stanhope is a screw press on which the the screw's leverage is compounded many times over by a system of levers.
Stanhope's improvement was in fact the first major change to the hand press in the roughly 350 years since Gutenberg first developed it. Very heavy and powerful, with a stout iron frame, the Stanhope was welcomed in Europe as a successor to the old wooden presses.
Stanhopes were even imported into the United States, though rarely, before the appearance of the American IRON PRESSES of the 1820s, such as the Smith, Stansbury, Washington, and Wells.
Temas relacionados

Nenhum comentário:

Postar um comentário